quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Destaques do fim de semana - 19 e 20 de agosto

Circo: Cavaco e sua pulga amestrada, Se chove não molha, A fabulosa charanga dos Excêntricos, É nóis na xita, A festa do Pedrinho, João e Maria, Os tr3s porcos, Chiquita Bacana no Reino das Bananas, Rua Orindiúva, O sapo e o vagalume, Historietas e Assombretas. Música: Cantigas em libras, Música erudita, Sambateca, Musicoterapia. Biblioteca do Brincar. Dança: Sob a Pele. Clubinho do Livro. Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. Jornada do Patrimônio.

CIRCO

A Caravana Tapioca - Cavaco e Sua Pulga Amestrada
O espetáculo apresenta Maria, a pulga adestrada que chega de paraquedas, canta, faz música com panelas, cospe fogo, doma uma fera, entre outras habilidades nunca antes vistas. Cavaco, o excêntrico domador, faz a costura dos números com música ao vivo, malabarismo, magia e comicidade. 
A Caravana Tapioca tem um vasto repertório, e vem se apresentando em palcos, picadeiros de todo o Brasil, pesquisando a rua como forma de democratização da arte e formação de platéia, quebrando a rotina das cidades. 
Dia 19 de agosto às 11h - Biblioteca Vicente de Carvalho
Dia 19 de agosto às 14h - Biblioteca Vinícius de Moraes 
Dia 20 de agosto às 11h - Biblioteca Paulo Sérgio Duarte Milliet

Circo Vox
Circo Vox - Se chove não molha
Uma família de palhaços, o pai e seus dois filhos, chegam para apresentar um espetáculo, mas se atrapalham ao fazer os números, que acabam sempre da forma errada. 
Os três ficam nesse “chove não molha” e então percebem no final que, sem querer, apresentaram um espetáculo divertidíssimo. Nessa montagem o grupo traz esquetes tradicionais circenses adaptadas para a linguagem contemporânea do Circo Vox.
Dia 19 de agosto às 11h - Biblioteca Alceu Amoroso Lima  
Dia 20 de agosto às 11h - Biblioteca Belmonte 

Circo Palombar - A Fabulosa Charanga dos Excêntricos 
Um jovem grupo de Circo-Teatro coloca suas roupas coloridas, maquiagens e equipamentos de circo e sai às ruas para encontrar o público. O que eles querem é contar histórias dessa tradicional Arte que tanto gostam e reinventá-las a sua maneira, de um jeito simples, para gente do povo, nas ruas e parques da periferia da cidade. São números de circo variados como monociclo, pernas de pau, malabarismo, acrobacias, palhaços apresentados ao público.
Dia 20 de agosto às 14h  - Biblioteca Paulo Duarte
  
Grupo Namakaca
Namakaca - É nóis na xita
Espetáculo infanto-juvenil que mostra o convívio entre três personagens: Du Circo, Montanha e Cafi, que disputam os aplausos do público, aceitando os próprios equívocos como fonte de improvisação.
Além de malabarismos, monociclos, acrobacias, equilibrismos e palhaçadas, o espetáculo é também musical, brincando com ritmos tipicamente brasileiros e instrumentos da cultura popular como cavaquinho, o pandeiro e a percussão.
O espetáculo já foi apresentado mais de 800 vezes, em 24 estados brasileiros e pelo mundo afora.
Dia 19 de agosto às 11h - Biblioteca Castro Alves 
Dia 19 de agosto às 14h30 - Biblioteca Amadeu Amaral 

Mala de Tralha – A festa do Pedrinho
Com Thiago Dias
Cheio de trapalhadas e bastante interativa, Festa do Pedrinho é um show de palhaço com mágico para toda a família, não deixando morrer essa arte milenar que atravessa gerações trocando experiências com o público. 
Dia 20 de agosto às 11h - Biblioteca Camila Cerqueira César

TEATRO

Teatro de Vantoches Von Feffer
João e Maria
A Companhia de Fantoches Von Feffer é uma empresa especializada em contar histórias para crianças, com a proposta de resgatar a magia dos bonecos de fantoches (bonecos de luva). Por meio de uma perfeita técnica de manipulação utilizada, a equipe de profissionais atinge o principal objetivo: dar vida ao boneco, mostrando à adultos e crianças, o quanto ele pode tornar-se real.  Apresentarão a história de João e Maria, um clássico dos Irmãos Grimm.
Dia 19 de agosto às 11h - Biblioteca Milton Santos
Dia 19 de agosto às 14h - Biblioteca Paulo Setúbal 
Dia 20 de agosto às 11h - Biblioteca Ricardo Ramos

Os Tr3s Porcos 
A próxima Companhia
Três porcos procuram um lugar para construir suas casas. O conto infantil desta vez dirige-se também aos adultos e se passa na cidade, onde o espaço está cada vez mais disputado com o Lobo, o dono do lugar, que fará de tudo para obrigar os porcos a beneficiá-lo e impedir que eles atrapalhem a manutenção e a construção de seus empreendimentos.
Dia 19 de agosto às 11h - Biblioteca Prestes Maia 
Dia 19 de agosto às 14h - Biblioteca Roberto Santos
Dia 20 de agosto às 11h - Biblioteca Viriato Correa

Chiquita Bacana no Reino das Bananas
Chiquita Bacana no Reino das Bananas
Texto escrito por Reinaldo Maia em 1977 coloca em cena o absurdo de uma menina estar sendo acusada de ter comido uma banana no Reino das Bananas. Comandado pelo Rei Leonino e seu staff de girafas e gorilas esse reino no qual os outros animais estão perdendo suas funções sociais é onde se passa a história. O que acontecerá no final só os espectadores poderão decidir a cada dia.
Dia 20 de agosto às 11h - Biblioteca Malba Tahan 

Rua Orindiuva
Rua Orindiúva 
Após o falecimento de seu tio, Rodrigo visitou a antiga moradia de seus avós na Rua Orindiúva, antigo 87 e lá registrou o estado da casa em 2016, no momento em que ela foi colocada à venda. A partir de suas memórias, Rodrigo conta ao público algumas lembranças daquela casa e apoiado na estrutura corporal proposta por Lu Favoreto, o intérprete investiga em seu corpo matrizes de movimento para uma homenagem de despedida daquele imóvel.
Dia 19 de agosto às 9h30 - Biblioteca Vicente Paulo Guimarães
Dia 19 de agosto às 13h - Biblioteca Jamil Almansur Haddad
Dia 20 de agosto às 11h - Biblioteca Álvares de Azevedo

O Sapo e o Vagalume: Uma Amizade Improvável
Com Bruno Soares, Yannick Iksvaarzen e Angélica Müller 
Dia 19 de agosto às 11h - Biblioteca Cora Coralina
Dia 19 de agosto às 14h - Biblioteca Jovina Rocha Álvares Pessoa

Historietas e Assombretas
Com Augusto Figliaggi e Elaine Guarani. Roteiro para as Histórias Cia Arte Negus
O susto e a atração pelo desconhecido é o que move essa sessão de narração de histórias. Sabe aquela sensação de querer superar temores? De tentar verificar até onde sua coragem realmente vai? De não querer se assustar mas, mesmo assim, pedir para o avô ou avó contar aquele causo assombrado? É pautada nessas sensações que surgiu a vontade de elaborar uma apresentação que intenta provocar o multifacetado assombro. Público: maiores de 6 anos. 
Dia 20 de agosto às 11h - Biblioteca Raimundo Menezes

MÚSICA

Cantigas em Libras
Com O Grupo Êba!
A intervenção consiste em um encontro dividido em três momentos: o grupo inicia com uma história e com jogos de aquecimento corporal, relacionados às cantigas tradicionais. Em seguida, junto com os participantes, selecionam as cantigas que gostariam de trabalhar. A partir disso,  ensinam os sinais e destrinchar as possibilidades de tradução da letra para encontrar uma melhor forma de se brincar a cantiga em Língua de Sinais. O último momento da oficina é de brincadeiras práticas com as traduções que foram criadas.
Dia 19 de agosto às 11h - Biblioteca Cassiano Ricardo
Dia 19 de agosto às 14h30 - Biblioteca Adelpha Figueiredo 
Dia 20 de agosto às 11h - Biblioteca Nuto Sant’ Anna

Música Erudita - Theatro Municipal de São Paulo vai às Bibliotecas Municipais
Programa Biblioteca VIVA
A programação inclui apresentações de duo de violão e flauta, solo de violão e também duo de eufônios (instrumento da família dos metais), de artistas do Theatro Municipal de São Paulo.

SAMBATECA

Núbia Maciel
Núbia Maciel e os Divinos
Núbia Maciel é vocalista do Samba de Rainha, grupo de samba paulistano formado por mulheres. Já fizeram o circuito dos CEUs, várias viradas culturais, circuito municipal de cultura. A referência vem das antigas rádios AM, mas com molho paulistano, cosmopolita, contemporâneo e moderno. 
Dia 19 de agosto às 11hBiblioteca Lenyra Fraccaroli
Dia 19 de agosto às 14h Biblioteca Raul Bopp
Dia 20 de agosto às 11hBiblioteca Rubens Borba

Choros de Villa-Lobos na Flauta e Viola Caipira
Por Enrique Menezes
Choros de Villa-Lobos executados ao vivo por Flauta, Pífano e Viola Caipira procurando expor algumas das características marcantes do compositor e suas relações tênues entre o popular e o erudito. Como Villa-Lobos utilizou as formas do choro urbano em sua série de composições? Quais foram as explicações dadas pelo próprio compositor para batizar assim sua série?
Dia 19 de agosto às 14h - Biblioteca Anne Frank
Dia 20 de agosto às 11h - Biblioteca Affonso Taunay

O Bando de Seu Pereira
O Bando de Seu Pereira nas Bibliotecas
Um acontecimento no forró: um grupo permacultural, com sonoridade única e que como si só, faz releituras de clássicos, revela preciosidades e traz músicas novas, inspiradas em toda essa experiência humana e musical de seus integrantes.
Dia 20 de agosto às 11h Biblioteca José Paulo Paes
    
MUSICOTERAPIA


Coletivo Ela-Som
Coletivo Feminista Ela-Som
O Coletivo Feminista Ela-Som realiza uma vivência interativa de Musicoterapia aberta à comunidade. A proposta é utilizar experiências sonoro-musicais para promover uma reflexão sobre a luta pelos direitos das mulheres e igualdade de gênero.
Não é necessário ter conhecimento musical para participar da vivência! Venham com roupas confortáveis! Classificação etária livre.
Dia 20 de agosto às 11h30 - Biblioteca Cora Coralina

BIBLIOTECA DO BRINCAR

O projeto Biblioteca de Brincar tem como objetivo promover atividades infantis nas bibliotecas municipais. Por meio de brincadeiras, as pessoas serão convidadas a conhecer e se aproximar do espaço do equipamento, que muitas vezes não faz parte do repertório social e cultural da comunidade que atende.

As atividades são inspiradas em brincadeiras brasileiras típicas como amarelinha, bambolê, passa-anel e telefone sem fio, além de oficinas de bonecas abayomi.. Elas serão realizadas conforme as especificidades de cada espaço, aproveitando sua parte interna e externa. Os brinquedos e objetos utilizados serão feitos de materiais recicláveis.

O projeto prevê atividades para crianças de 2 a 10 anos e contará com arte-educadores e monitores especializados para sua condução. A biblioteca será repensada como espaço lúdico e de convivência da família.

Dia 19 de agosto às 10h30 - Biblioteca Brito Broca
Dia 19 de agosto às 14h - Biblioteca Érico Veríssimo
Dia 20 de agosto às 11h - Biblioteca Padre José de Anchieta

DANÇA
Sob a Pele

Sob a Pele
Cia de Dança
O que há por baixo de nossa pele? O que somos em nosso “recheio”? Quais as particularidades que nos constroem e nos preenchem? Sob a Pele busca revelar alguns de nossos sentimentos e emoções que existem por baixo das tantas máscaras que vestimos no dia-a-dia, e como eles refletem quem somos. Ora com sincronia e ora com movimentos variados, o espetáculo vem mostrar que apesar das diferenças superficiais, no fundo os seres humanos são todos iguais, muitas vezes com os mesmos medos e desejos, expectativas e necessidades. Sob a Pele retrata relações que se deixam ser atravessadas e nutridas pelas diferenças, e que se fortalecem pela construção da diversidade. Assim, por meio da dança contemporânea, busca exaltar a diferença e a multiplicidade, e traz a reflexão de que todos ganhamos quando nos damos a chance de nos abrir para o outro. 
Dia 20 de agosto às 10h - Biblioteca José Mauro de Vasconcelos

CLUBINHO DO LIVRO

Conjunto de atividades voltados para a leitura na infância, incentivando tanto a formação de leitores com de escritores.  São as atividades do clubinho:

• Oficina de Livro Coletivo -"Pondo cor na Poesia" com a poeta e artista plástica Aline Binns e  com a arte educadora, artesã e dançarina Babu Nascimento. As crianças serão convidadas a criar imagens partindo do estímulo da  poesia falada, com o intuito de construir juntas um livro de poesia. Podendo ser ilustrações de uma mesma poesia ou mais de uma poesia.  Será disponibilizado materiais para técnicas mistas de pintura e colagens de materiais tais como tecidos, papéis, fios coloridos, brilhos  e coisas deliciosas pra dar asas a imaginação.

• Feira do Livro -Parte do Clubinho do Livro -Traga seu livro velho para doação ou troca. E se você não tem livro pra trazer, passe na feirinha pra ver se tem algum para você levar. Para participar, basta levar livros em bom estado de conservação e trocá-los na base de 1 por 1. Como nosso objetivo é fomentar a literatura, não vamos pegar livros de caráter informativo (didáticos-técnicos-escolares).

• Leitura de Livros - O jornalista Camilo Rocha lerá "O Pote Vazio", sobre um menino que adorava flores e que participa de um concurso para se tornar o sucesso do imperador. Trata-se de uma fábula chinesa que contém uma valiosa lição sobre honestidade e ética. A história é indicada para crianças a partir dos quatro anos.

Dia 19 de agosto às 14hBiblioteca Marcos Rey 
Dia 20 de agosto às 11h Biblioteca Álvaro Guerra

GRANDE PREMIO DO CINEMA BRASILEIRO


Mãe só há uma
Mãe só há uma, de Anna Muylaert
Brasil, 2016, 82’ | Drama | 2D Original | Exibição em DCP | Com Naomi Nero, Daniel Botelho, Dani Nefussi, Matheus Nachtergaele | Não recomendado para menores de 16 anos.
A vida do adolescente Pierre vira de cabeça pra baixo quando ele recebe uma denúncia e é obrigado a fazer um teste de DNA. Após o resultado, ele descobre que sua mãe não é sua verdadeira mãe e é obrigado a trocar de família, de nome, de casa, de escola… e de gênero.
19 de agosto às  19h15 - Biblioteca RobertoSantos

A Garota Dinamarquesa
A garota dinamarquesa, de Tom Hooper
EUA/Reino Unido/Alemanha, 2015, 119’ | Drama | 2D Dublado | Exibição em DCP | Com Eddie Redmayne, Alicia Vikander, Ben Whishaw, Adrian Schiller | Não recomendado para menores de 14 anos.
O pintor dinamarquês Einar Wegener e sua esposa Gerda, também pintora, vivem tranquilamente a rotina conjugal. Certo dia, Einar, vestido com uma roupa de mulher, posa para um quadro de Gerda. O desconcerto da situação faz com que ele descubra seu desejo de virar uma mulher.  Aos poucos, e diante da resistência moral da época, que o considera louco, Einar mergulha numa jornada íntima para consumar sua vontade, até realizar a primeira operação de mudança de sexo da história.
20 de agosto às 18h15 - Biblioteca Roberto Santos 

JORNADA DO PATRIMÔNIO


A Secretaria Municipal de Cultura (SMC), por meio de seus departamentos de Programação e de Patrimônio Histórico (DPH), realizará a 3ª Jornada do Patrimônio da Cidade de São Paulo, nos dias 19 e 20 de Agosto de 2017. A ideia é proporcionar a paulistanos e turistas a oportunidade de reconhecer seu patrimônio histórico, artístico e cultural, distribuído por diversos pontos da cidade. Durante a visita será possível conhecer um pouco sobre os algumas das Bibliotecas de SMB:

Biblioteca Anne Frank 
19 de agosto das 9h às 15h 

Biblioteca Belmonte 

19 de agosto das 9h às 16h (visita guiada às 10h30 e às 14h) e 20 de agosto das 9h às 13h (visita guiada às 10h). 
Inscrições para visitas guiadas pelo telefone 5687-0408. Até 15 pessoas.

Biblioteca Narbal Fontes 

19 de agosto das 9h às 16h e 20 de agosto das 9h às 13h. 
Visita guiada às 11h e às 12h. Até 25 pessoas.

Biblioteca Prestes Maia 

19 de agosto das 9h às 16h e 20 de agosto das 9h às 13h.  
Visita guiada às 10h, inscrições no local, com 20 minutos de antecedência.

Biblioteca Roberto Santos 

19 e 20 de agosto das 9h às 16h. 
Visita guiada das 10h30 às 13h30, inscrições no local, com 20 minutos de antecedência. Até 15 pessoas.

Biblioteca Monteiro Lobato 

Visitas guiadas dias 19 e 20 de agosto às 10h e às 14h. 
Inscrições no local, com 20 minutos de antecedência. Até 20 pessoas.

Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

Mostra dos filmes finalistas e votação popular do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. De 17 a 30 de agosto de 2017 com entrada franca.

A Spcine – Empresa de Cinema e Audiovisual de São Paulo, da Secretaria Municipal de Cultura, em parceria com a Academia Brasileira de Cinema, apresenta, entre os dias 17 e 30 de agosto, uma mostra de cinema reunindo os filmes brasileiros e estrangeiros que concorrem à 16ª edição do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. Além de prestigiar o que de mais representativo o cinema brasileiro e internacional produziu em 2016, em sessões gratuitas, o público do Circuito Spcine ainda terá a oportunidade de participar da votação popular, escolhendo os melhores títulos nas categorias de melhor ficção brasileira de longa-metragem, melhor documentário brasileiro de longa-metragem e melhor filme estrangeiro, através da plataforma de Voto Popular disponível no site d'Academia Brasileira de Cinema..

Veja a programação completa em Circuito Spcine.


PROGRAMAÇÃO SPCINE ROBERTO SANTOS

Aquarius, de Kleber Mendonça Filho
Brasil, 2016, 145’ | Drama | 2D Original | Exibição em DCP
Com Sonia Braga, Maeve Jinkins, Irandhir Santos, Humberto Carrão
Não recomendado para menores de 16 anos
Clara tem 65 anos, é jornalista aposentada, viúva e mãe de três adultos. Ela mora em um apartamento localizado na Av. Boa Viagem, no Recife, onde criou seus filhos e viveu boa parte de sua vida. Interessada em construir um novo prédio no espaço, os responsáveis por uma construtora conseguiram adquirir quase todos os apartamentos do prédio, menos o dela. Por mais que tenha deixado bem claro que não pretende vendê-lo, Clara sofre todo tipo de assédio e ameaça para que mude de ideia.
17 de agosto às 19h15

Nise - O Coração da Loucura, de Roberto Berliner
Brasil, 2015, 108’ | Drama | 2D Original | Exibição em DCP
Com Glória Pires, Simone Mazzer, Julio Adrião, Flavio Bauraqui
Não recomendado para menores de 12 anos
Depois de sair da prisão, onde esteve encerrada pela ditadura Vargas, a doutora Nise da Silveira (interpretada por Glória Pires) volta a trabalhar num hospital psiquiátrico no subúrbio do Rio de Janeiro. Lá, ela propõe uma nova forma de tratamento aos pacientes que sofrem de esquizofrenia, eliminando o eletrochoque e a lobotomia. Seus colegas de trabalho discordam do seu meio de tratamento e a isolam, restando a ela assumir o abandonado Setor de Terapia Ocupacional, onde dá início a uma nova forma de lidar com os pacientes, através do amor e da arte.
18 de agosto às 19h15 
26 de agosto às 19h15 

Mãe só há uma, de Anna Muylaert
Brasil, 2016, 82’ | Drama | 2D Original | Exibição em DCP
Com Naomi Nero, Daniel Botelho, Dani Nefussi, Matheus Nachtergaele
Não recomendado para menores de 16 anos
A vida do adolescente Pierre vira de cabeça pra baixo quando ele recebe uma denúncia e é obrigado a fazer um teste de DNA. Após o resultado, ele descobre que sua mãe não é sua verdadeira mãe e é obrigado a trocar de família, de nome, de casa, de escola… e de gênero.
19 de agosto às  19h15 

A garota dinamarquesa, de Tom Hooper
EUA/Reino Unido/Alemanha, 2015, 119’ | Drama | 2D Dublado | Exibição em DCP
Com Eddie Redmayne, Alicia Vikander, Ben Whishaw, Adrian Schiller
Não recomendado para menores de 14 anos
O pintor dinamarquês Einar Wegener e sua esposa Gerda, também pintora, vivem tranquilamente a rotina conjugal. Certo dia, Einar, vestido com uma roupa de mulher, posa para um quadro de Gerda. O desconcerto da situação faz com que ele descubra seu desejo de virar uma mulher.  Aos poucos, e diante da resistência moral da época, que o considera louco, Einar mergulha numa jornada íntima para consumar sua vontade, até realizar a primeira operação de mudança de sexo da história.
20 de agosto às 18h15 

Animais noturnos, de Tom Ford
Nocturnal animals, EUA, 2016, 116’ | Drama/Suspense | 2D Legendado | Exibição em DCP
Com Amy Adams, Jake Gyllenhaal, Micheal Shannon, Ellie Bamber
Não recomendado para menores de 16 anos
Negociante de arte sente-se cada vez mais isolada do parceiro. Um dia, ela recebe um manuscrito de autoria de seu primeiro marido. O trágico livro acompanha o personagem Tony Hastings, um homem que leva sua esposa e filha para tirar férias, mas o passeio toma um rumo violento ao cruzar o caminho de uma gangue. Durante a leitura, ela pensa sobre as razões de ter recebido o texto, descobre verdades dolorosas sobre si mesma e relembra traumas de seu relacionamento fracassado.
22 de agosto às 19h15

Elis, de Hugo Prata
Brasil, 2016, 110’ | Exibição em DCP | Drama/Biografia | 2D Nacional
Com Andreia Horta, Caco Ciocler, Gustavo Machado, Lúcio Mauro Filho
Não recomendado para menores de 14 anos
Cinebiografia sobre uma das maiores cantoras e intérpretes da Música Popular Brasileira – Elis Regina. Dona de uma voz inconfundível, Elis inicia sua carreira profissional no Rio de Janeiro, no começo dos anos 1960. O filme mostra sua rápida ascensão no meio musical, a conquista dos fãs e suas conturbadas relações amorosas. Estrela de TV, polêmica, intensa e briguenta, a “Pimentinha” não tarda a ser reconhecida como a maior voz do Brasil.
24 de agosto às 19h15 
27 de agosto às 18h15 

Marias, de Joana Mariani
Brasil, 2015, 73’ | Documentário | 2D Original | Exibição em DCP
Livre
Uma jornada pelo feminino através das festas Marianas da América Latina. A diretora Joana Mariani viajou pelo Brasil, Cuba, México, Peru e Nicarágua acompanhando as festas das padroeiras destes países, todas nossas senhoras, observando as semelhanças e diferenças entre suas culturas e buscando vozes com grandes histórias para contar. O resultado é um filme singular que demonstra que a figura de Maria está além do que qualquer religião possa oferecer.
25 de agosto às 19h15
29 de agosto às 19h15 

---------

Promovido há mais de uma década pela Academia Brasileira de Cinema, o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro é uma das maiores e mais tradicionais premiações do audiovisual no país. Criado no início dos anos 2000, é hoje uma das principais vitrines de consagração do cinema brasileiro, de seus filmes, autores, atores e técnicos. Além das categorias já citadas, inclui ainda premiações para melhor longa-metragem brasileiro de animação, melhor longa-metragem brasileiro infantil, melhor direção, ator e atriz, ator e atriz coadjuvante, fotografia, trilha sonora, montagem, roteiro, curta-metragem, entre outros. A votação é realizada via internet por um júri técnico formado por profissionais brasileiros da área do audiovisual e pelo voto popular. O anúncio dos premiados será realizado no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, no dia 05 de setembro.

Neste ano, a fim de expandir as plateias e difundir o hábito de frequentar o cinema, a mostra dos filmes finalistas acontece em sete estados brasileiros – Rio de Janeiro, São Paulo, Paraíba, Minas Gerais, Pernambuco, Maranhão – sempre com sessões gratuitas. O voto do público é nacional.  A programação que será apresentada no Circuito Spcine (nas salas Spcine Ceus, Roberto Santos, Cidade Tiradentes e Paulo Emilio, no Centro Cultural São Paulo) reúne obras como Elis, de Hugo Prata, a cinebiografia sobre o mito Elis Regina; Nise – O coração da loucura, de Roberto Berliner, drama estrelado por Glória Pires no papel da psiquiatra de vanguarda Nise da Silveira; Aquarius, de Kleber Mendonça Filho, protagonizado por Sonia Braga e indicado à Palma de Ouro do Festival de Cannes de 2016; Boi Neon, de Gabriel Mascaro, premiado em mais de 20 festivais ao redor do mundo, e Mãe só há uma, de Anna Muylaert, premiado no Festival de Berlim do ano passado.

A programação de filmes documentários reúne obras como Menino 23 – Infâncias perdidas no Brasil, de Belisário França, um registro sobre a cultura do nazismo numa fazenda do interior do Brasil; Cinema Novo, de Erick Rocha, retrato de um dos principais movimentos do cinema brasileiro de vanguarda, o Cinema Novo; e ainda Eu sou Carlos Imperial, de Renato Terra e Ricardo Calil; Cícero Dias, o compadre de Picasso, de Vladimir Carvalho, Curumim, de Marcos Prado; Marias, de Joana Mariani, e Quanto tempo o tempo tem, de Adriana L. Dutra.

Sobre o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro
  • Uma das maiores e mais tradicionais premiações do cinema brasileiro, o Grande Prêmio foi criado no nos anos 2000 pela Academia Brasileira de Cinema (fundada em 20 de maio de 2002, e hoje com mais de 300 sócios). Ao longo de mais dez anos, tornou-se uma das principais vitrines de consagração do cinema brasileiro, de seus filmes, autores, atores e técnicos. A cada edição, o prêmio também rende homenagens a diferentes personalidades do mundo do cinema. Dentre suas categorias, encontram-se Melhor longa-metragem brasileiro de ficção, Melhor longa-metragem documentário, Melhor longa-metragem brasileiro de animação, melhor longa-metragem brasileiro infantil, melhor direção, ator e atriz, ator e atriz coadjuvante, fotografia, trilha sonora, montagem, roteiro, melhor filme estrangeiro, curta-metragem, entre outros. A votação é realizada via internet por um júri técnico formado por profissionais brasileiros da área do audiovisual e pelo voto popular. O anúncio dos premiados é realizado no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, no dia 05 de setembro. Por meio dessa celebração, o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro contribui para a promoção do cinema brasileiro junto à população e ao público do país, reconhecendo a qualidade técnica e artística de seus filmes e profissionais. O Prêmio é realizado pela Academia Brasileira de Cinema e conta com o Patrocínio Master da TV Globo e Patrocínio do Canal Brasil através da Lei Federal de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura.

Sobre a Academia Brasileira de Cinema

  • A Academia Brasileira de Cinema foi fundada em 20 de maio de 2002. Sua principal missão institucional é promover, preservar e divulgar o cinema brasileiro, além de ser espaço de convivência e troca de experiências entre profissionais da área. A criação de um prêmio, o Troféu Grande Otelo, para celebrar a produção anual de filmes, marcou o início de um projeto que aproximou mais de 300 sócios, entre realizadores, distribuidores, produtores, exibidores, técnicos, atores e outros profissionais do cinema e audiovisual. Desde sua criação, foram realizadas 15 edições do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, com grande repercussão pela imprensa e entre a classe cinematográfica brasileira. A associação tem por finalidade desenvolver e aprimorar a cultura e a educação das artes; contribuir e promover o progresso técnico-científico da cinematografia; incentivar e divulgar obras fonográficas e audiovisuais; editar, publicar e divulgar material informativo e educativo sobre filmes e cinemas; organizar eventos nas áreas de interesse de sua especialidade; congregar pessoas participantes das áreas de sua especialidade; promover encontros, palestras, reuniões, seminários, cursos, congressos e qualquer meio de intercâmbio a respeito de assuntos vinculados às áreas de sua especialidade; organizar, anualmente, evento destinado a outorga de prêmios para destaques das atividades de sua especialidade e conexas; incentivar e auxiliar entes públicos ou privados interessados; e velar, orientar e preservar a recuperação de materiais históricos cinematográficos.

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Destaques do fim de semana - 12 e 13 de agosto


Circo: Caravana Tapioca, Cabaré da Mafalda, Teatro: Teatro de fantoches, Os tr3s porcos, Rua Orindiúva, O sapo e o vagalume, Historietas e assombretas, Música: Cantigas em libras, Carimbolando, Dani Lasalvia, Na Cachola, Sambateca, Biblioteca do Brincar, Dança: Sob a pele, Clubinho do Livro

CIRCO
Cavaco e Sua Pulga Amestrada
A Caravana Tapioca - Cavaco e Sua Pulga Amestrada
O espetáculo apresenta Maria, a pulga adestrada que chega de paraquedas, canta, faz música com panelas, cospe fogo, doma uma fera, entre outras habilidades nunca antes vistas. Cavaco, o excêntrico domador, faz a costura dos números com música ao vivo, malabarismo, magia e comicidade. 
A Caravana Tapioca tem um vasto repertório, e vem se apresentando em palcos, picadeiros de todo o Brasil, pesquisando a rua como forma de democratização da arte e formação de platéia, quebrando a rotina das cidades. 
Dia 12 de agosto às 11h - Biblioteca Álvaro Guerra 
Dia 12 de agosto às 14h - Biblioteca Monteiro Lobato

Cabaré da Mafalda
O “Cabaré da Mafalda” é um espetáculo de Palhaçaria Feminina e Circo Família.
Mafalda Mafalda é a Mestra de Cerimônias, ela convida o público para um “chá
dançante” em seu “Cabaré Internacional”; nele podemos ver números tradicionais, cenas cômicas, danças excêntricas, Palhaças Convidadas e também se divertir com as relações familiares desta trupe!
Dia 12 de agosto às 14h - Biblioteca Vicente Paulo de Guimarães

TEATRO
João e Maria
Teatro de fantoches Von Feffer - João e Maria
A Companhia de Fantoches Von Feffer é uma empresa especializada em contar histórias para crianças, com a proposta de resgatar a magia dos bonecos de fantoches (bonecos de luva). Por meio de uma perfeita técnica de manipulação utilizada, a equipe de profissionais atinge o principal objetivo: dar vida ao boneco, mostrando à adultos e crianças, o quanto ele pode tornar-se real.  Apresentarão a história de João e Maria, um clássico dos Irmãos Grimm.
Dia 12 de agosto às 11h - Biblioteca Malba Tahan
Dia 12 de agosto às 14h - Biblioteca Belmonte

Os Tr3s Porcos
Os Tr3s Porcos 
A próxima Companhia
Três porcos procuram um lugar para construir suas casas. O conto infantil desta vez dirige-se também aos adultos e se passa na cidade, onde o espaço está cada vez mais disputado com o Lobo, o dono do lugar, que fará de tudo para obrigar os porcos a beneficiá-lo e impedir que eles atrapalhem a manutenção e a construção de seus empreendimentos.
Dia 12 de agosto às 14h - Biblioteca Camila Cerqueira Cesar

Rua Orindiúva 
Após o falecimento de seu tio, Rodrigo visitou a antiga moradia de seus avós na Rua Orindiúva, antigo 87 e lá registrou o estado da casa em 2016, no momento em que ela foi colocada à venda. A partir de suas memórias, Rodrigo conta ao público algumas lembranças daquela casa e apoiado na estrutura corporal proposta por Lu Favoreto, o intérprete investiga em seu corpo matrizes de movimento para uma homenagem de despedida daquele imóvel.
Dia 12 de agosto às 11h - Biblioteca Afonso Schmidt
Dia 12 de agosto às 14h - Biblioteca Thales Castanho de Andrade

O Sapo e o Vagalume: Uma Amizade Improvável
Com Bruno Soares, Yannick Iksvaarzen e Angélica Müller 
Dia 12 de agosto às 11h - Biblioteca Anne Frank 
Dia 12 de agosto às 14h - Biblioteca Prefeito Prestes Maia

Historietas e Assombretas
Historietas e Assombretas
Com Augusto Figliaggi e Elaine Guarani. Roteiro para as Histórias Cia Arte Negus
O susto e a atração pelo desconhecido é o que move essa sessão de narração de histórias. Sabe aquela sensação de querer superar temores? De tentar verificar até onde sua coragem realmente vai? De não querer se assustar mas, mesmo assim, pedir para o avô ou avó contar aquele causo assombrado? É pautada nessas sensações que surgiu a vontade de elaborar uma apresentação que intenta provocar o multifacetado assombro. Público: maiores de 6 anos. 
Dia 12 de agosto às 11h - Biblioteca José Paulo Paes
Dia 12 de agosto às 14h - Biblioteca Lenyra Fraccaroli

MÚSICA
Grupo Êba!
Cantigas em Libras
Com O Grupo Êba!
A intervenção consiste em um encontro dividido em três momentos: o grupo inicia com uma história e com jogos de aquecimento corporal, relacionados às cantigas tradicionais. Em seguida, junto com os participantes, selecionam as cantigas que gostariam de trabalhar. A partir disso,  ensinam os sinais e destrinchar as possibilidades de tradução da letra para encontrar uma melhor forma de se brincar a cantiga em Língua de Sinais. O último momento da oficina é de brincadeiras práticas com as traduções que foram criadas.
Dia 12 de agosto às 11h - Biblioteca Viriato Correa
Dia 12 de agosto às 14h30 - Biblioteca Raul Bopp


Grupo Carimbolando
Carimbolando
A apresentação do Grupo Carimbolando é uma grande brincadeira musical. O ritmo contagiante não deixa ninguém parado e as músicas falam de cenas, costumes, personagens e bichos  da região Norte. O grupo interpreta sucessos de Dona Onete, Pinduca, Mestre Lucindo e outros autores consagrados, transformando em festa o espaço onde se apresenta.
Dia 12 de agosto às 11hBiblioteca Helena Silveira

Dani Lasalvia
Dani Lasalvia - O legado de Mário de Andrade
A cantora Dani Lasalvia  interpreta, entre outras,  algumas canções coletadas em 1937 pela Missão de Pesquisas Folclóricas, idealizada por Mário de Andrade frente ao departamento de Cultura da Cidade de São Paulo que compõem o Acervo Histórico da Discoteca Oneyda Alvarenga da Centro Cultural São Paulo. 
Dia 12 de agosto às 14h Biblioteca Érico Veríssimo

Na cachola
Na cachola  
com Marília Calderón e Walter Garcia nas Bibliotecas
O show-cênico na cachola, com Marília Calderón e Walter Garcia, experimenta diálogos entre a música, o teatro e a literatura. As canções formam um painel da grande cidade e questionam o lirismo que pode haver no dia a dia das pessoas e das coisas.
Dia 12 de agosto às 14h Biblioteca Amadeu Amaral

SAMBATECA
Conversa de Botequim: 10 anos em 100 anos de samba
O grupo Conversa de Botequim existe a 10 anos e uma homenagem aos centenário do gê O projeto “Numa Conversa de Botequim” é uma continuação do trabalho de pesquisa e resgate do grupo. Durante o show são apresentadas canções pouco conhecidas de Geraldo Pereira, Mauro Duarte, Eduardo Gudin, Nelson Cavaquinho, Noel Rosa e Moacyr Luz, mesclando com clássicos de Adoniran Barbosa, João Nogueira e Martinho da Vila. 
Dia 12 de agosto às 11h - Biblioteca Jayme Cortez
Dia 12 de agosto às 14h - Biblioteca Sylvia Orthof

Núbia Maciel e os Divinos
Núbia Maciel é vocalista do Samba de Rainha, grupo de samba paulistano formado por mulheres. Já fizeram o circuito dos CEUs, várias viradas culturais, circuito municipal de cultura. A referência vem das antigas rádios AM, mas com molho paulistano, cosmopolita, contemporâneo e moderno. 
Dia 12 de agosto às 11h - Biblioteca Clarice Lispector
Dia 12 de agosto às 14h Biblioteca Alceu Amoroso Lima

O Bando de Seu Pereira nas Bibliotecas
Um acontecimento no forró: um grupo permacultural, com sonoridade única e que como si só, faz releituras de clássicos, revela preciosidades e traz músicas novas, inspiradas em toda essa experiência humana e musical de seus integrantes.
Dia 12 de agosto às 14hBiblioteca Pedro Nava

BIBLIOTECA DO BRINCAR

O projeto Biblioteca de Brincar tem como objetivo promover atividades infantis nas bibliotecas municipais. Por meio de brincadeiras, as pessoas serão convidadas a conhecer e se aproximar do espaço do equipamento, que muitas vezes não faz parte do repertório social e cultural da comunidade que atende.

As atividades são inspiradas em brincadeiras brasileiras típicas como amarelinha, bambolê, passa-anel e telefone sem fio, além de oficinas de bonecas abayomi.. Elas serão realizadas conforme as especificidades de cada espaço, aproveitando sua parte interna e externa. Os brinquedos e objetos utilizados serão feitos de materiais recicláveis.

O projeto prevê atividades para crianças de 2 a 10 anos e contará com arte-educadores e monitores especializados para sua condução. A biblioteca será repensada como espaço lúdico e de convivência da família.
Dia 12 de agosto às 11h - Biblioteca Aureliano Leite
Dia 12 de agosto às 14h - Biblioteca Gilberto Freyre

DANÇA

Sob a Pele
Cia de Dança
O que há por baixo de nossa pele? O que somos em nosso “recheio”? Quais as particularidades que nos constroem e nos preenchem? Sob a Pele busca revelar alguns de nossos sentimentos e emoções que existem por baixo das tantas máscaras que vestimos no dia-a-dia, e como eles refletem quem somos. Ora com sincronia e ora com movimentos variados, o espetáculo vem mostrar que apesar das diferenças superficiais, no fundo os seres humanos são todos iguais, muitas vezes com os mesmos medos e desejos, expectativas e necessidades. Sob a Pele retrata relações que se deixam ser atravessadas e nutridas pelas diferenças, e que se fortalecem pela construção da diversidade. Assim, por meio da dança contemporânea, busca exaltar a diferença e a multiplicidade, e traz a reflexão de que todos ganhamos quando nos damos a chance de nos abrir para o outro. 
Dia 12 de agosto às 11h - Biblioteca Sérgio Buarque de Holanda
Dia 13 de agosto às 11h - Biblioteca Padre José de Anchieta

CLUBINHO DO LIVRO

Oficina de Livro Coletivo
Conjunto de atividades voltados para a leitura na infância, incentivando tanto a formação de leitores com de escritores.  São as atividades do clubinho:

• Oficina de Livro Coletivo -"Pondo cor na Poesia" com a poeta e artista plástica Aline Binns e  com a arte educadora, artesã e dançarina Babu Nascimento. As crianças serão convidadas a criar imagens partindo do estímulo da  poesia falada, com o intuito de construir juntas um livro de poesia. Podendo ser ilustrações de uma mesma poesia ou mais de uma poesia.  Será disponibilizado materiais para técnicas mistas de pintura e colagens de materiais tais como tecidos, papéis, fios coloridos, brilhos  e coisas deliciosas pra dar asas a imaginação.

• Feira do Livro -Parte do Clubinho do Livro -Traga seu livro velho para doação ou troca. E se você não tem livro pra trazer, passe na feirinha pra ver se tem algum para você levar. Para participar, basta levar livros em bom estado de conservação e trocá-los na base de 1 por 1. Como nosso objetivo é fomentar a literatura, não vamos pegar livros de caráter informativo (didáticos-técnicos-escolares).

• Leitura de Livros - O jornalista Camilo Rocha lerá "O Pote Vazio", sobre um menino que adorava flores e que participa de um concurso para se tornar o sucesso do imperador. Trata-se de uma fábula chinesa que contém uma valiosa lição sobre honestidade e ética. A história é indicada para crianças a partir dos quatro anos.

Dia 12 de agosto às 14h - Biblioteca Álvares de Azevedo
Dia 13 de agosto às 11hBiblioteca Helena Silveira