segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Destaques da semana de 29 de agosto a 4 de setembro

Agosto Caipira, Cinema: O serviço de entrega de Kiki e Divertida mente, Contação de história, Debates e encontros, Atividade especial: Poemas multimídia 

AGOSTO CAIPIRA
CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
Boca cheia de histórias
Um cesto de histórias
Com Débora Kikuti
A narradora recolhe histórias pelo caminho, coloca todas em um cesto e anda no mundo, a narrá-las. Nesta apresentação o público participa, cantando cantigas populares e escolhendo as histórias de dentro do cesto, para serem narradas. Com seu cesto recheado de histórias, convidará o público a escolher, dentre os contos de nossa cultura popular, o que desejam ouvir.
30 de agosto às 10hBiblioteca Aureliano Leite


CINEMA


O serviço de entrega de Kiki
Majo no Takkyubin, Japão, 1989, 103 min, dublado, DVD
Direção: Hayao Miyazaki.
A bruxinha Kiki completa 13 anos e, como dita a tradição, ela deve ir morar durante um ano em uma cidade onde não more nenhuma outra bruxa. Lá, sobre uma vassoura voadora e com a ajuda de seu gato Jiji, Kiki abre um serviço de entregas.
30 de agosto às 14h30Biblioteca Monteiro Lobato

Divertida mente
Divertida mente, 93 minutos, 2015, EUA
Riley é uma garota divertida de 11 anos de idade, que deve enfrentar mudanças importantes em sua vida quando seus pais decidem deixar a sua cidade natal, no estado de Minnesota, para viver em San Francisco. Dentro do cérebro de Riley, convivem várias emoções diferentes, como a Alegria, o Medo, a Raiva, o Nojinho e a Tristeza. A líder deles é Alegria, que se esforça bastante para fazer com que a vida de Riley seja sempre feliz. Entretanto, uma confusão na sala de controle faz com que ela e Tristeza sejam expelidas para fora do local. Agora, elas precisam percorrer as várias ilhas existentes nos pensamentos de Riley para que possam retornar à sala de controle - e, enquanto isto não acontece, a vida da garota muda radicalmente. Livre
31 de agosto às 14h Biblioteca Hans Christian Andersen


CONTAÇÃO DE HISTÓRIA

Histórias contadas com as mãos
Com Grupo Mãos de Fada
O Grupo Mãos de Fada narra as histórias, simultaneamente, em LIBRAS - Língua Brasileira de Sinais e na Língua Portuguesa (contação visual e oral), proporcionando ao espectador, tanto deficiente auditivo/surdo quanto ao ouvinte, infinitas possibilidades de vivenciar as histórias de uma forma diferente. 
Para o público surdo, a contação se torna totalmente acessível e muito mais interessante, já que é narrada em sua língua materna. Para o público ouvinte, é a oportunidade de aquisição de um novo vocabulário e contato com outra língua, de forma que todos possam interagir com a narrativa e se deliciar com as histórias. Uma atividade inclusiva.
2 de setembro às 14h Biblioteca Pedro Nava
  
Zumbido das abelhas grandes
Com Gledson Alves Lima
O Zumbido das Abelhas Grandes desenvolve, quinzenalmente, oficinas de maracatu, trabalhando a dança e instrumentos de percussão, como alfaia, caixa, agbê e agogô. Procura se configurar como um núcleo cultural no espaço da Biblioteca.
3 setembro às 10h Biblioteca José Mauro de Vasconcelos
  

DEBATES E ENCONTROS

Cultura, Lazer e Turismo na zona leste de São Paulo
com Profa. Vanessa de Lima Licori e o Guia Turístico Laércio Carvalho
Neste encontro será debatido tanto a importância do exercício do tempo livre, reconhecimento da comunidade, sua história e seus pontos de atração turística e cultural. No final do debate será proposta uma caminhada que alcançará alguns pontos de lazer e cultura da região do Tatuapé Como forma de celebrar os 348 do bairro do Tatuapé, onde a biblioteca está situada.
3 de setembro às 10h - Biblioteca Hans Christian Andersen

Lazer e cultura para crianças
Com Renata Castro Cardias Kawaguchi
Neste encontro será debatido tanto a importância do exercício do tempo livre, como também a importância do reconhecimento da comunidade, sua história e seus pontos de atração turística e cultural expandindo-se também para os Pontos Turísticos da cidade a fim de conhecer sua história e importância cultural favorecendo a ampliação dos conceitos de cidadania e pertencimento a partir do viés da infância, procurando os espaços de aproximação deste contexto histórico com o conviver e estabelecer relações mais próximas dos laços familiares e amigos. No final do debate, propõe-se uma caminhada que alcançará alguns pontos de lazer e cultura da região do Tatuapé, onde está localizada a Biblioteca Hans Christian Andersen que sediará o evento. Esta palestra e dinâmica prática acontecerão em comemoração ao aniversário de 348 anos do bairro do Tatuapé.
3 de setembro às 10h – Biblioteca Hans Christian Andersen

Dia da Profissão na Biblioteca
Rodas de conversa sobre as profissões
ENEM e vestibulares chegando... Qual profissão escolher? Em que faculdade ingressar? Como se capacitar? O que saber? Buscando orientar sobre essas questões, serão realizadas rodas de conversa, descontraídas e informais, com graduandos e/ou formados de diferentes áreas e faculdades, a todos(as) os(as) interessados(as), para compartilhar informações e experiências sobre às carreiras.
Temas:
3 de setembro às 9h30: Ciências ContábeisBiblioteca Prefeito Prestes Maia
3 de setembro às 13h30: Publicidade e Propaganda Biblioteca Prefeito Prestes Maia


ATIVIDADE ESPECIAL

Poemas multimídia – Paulo Aquarone
A exposição das poesias visuais de Paulo Aquarone mostra as diferentes formas de se fazer poesia, nesse caso, lúdicas e didáticas em objetos interativos, instalações, vídeos, entre outros. São poemas produzidos desde a década de 1990 e, algumas vezes, inéditas em exposição. Paulo Aquarone é um poeta multimídia com produção literária de apelo visual e multimidiático. Utiliza objetos interativos, instalações, vídeos etc.
Até o dia 3 de setembro – Biblioteca Prefeito PrestesMaia


24ª Bienal Internacional do Livro

Secretarias de Cultura e Educação promovem programação cultural voltada para a leitura e a literatura na 24ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Este ano, as secretarias de Cultura e Educação vão promover uma programação cultural especial voltada para a leitura e literatura na 24ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo. Estão na programação os 22 saraus que participam do Programa “Literatura Periférica: Veia e Ventania nas Bibliotecas Públicas Municipais de São Paulo”. Os saraus promovem encontros literários nas bibliotecas de todas as regiões da Cidade. Além deles, haverá intervenções artísticas, poéticas e literárias também compõem a programação durante toda a Bienal. 

O estande das secretarias de Cultura e Educação está localizado na rua L010, no Anhembi, aberto todos os dias das 10h às 22h (exceto no domingo, dia 4, que encerra às 21h). 




PROGRAMAÇÃO

Dia 26 de agosto, sexta-feira
11h, 16h e 18h – Intervenção: Realejo poético
14h – Sarau Perifatividade
20h – Sarau Suburbano

Dia 27 de agosto, sábado
11h, 16h e 18h – Intervenção: Menor sarau do mundo
14h – Sarau Poetas Ambulantes
20h – Sarau do Kintal

Dia 28 de agosto, domingo
11h, 16h e 18h – Intervenção: Casa do poeta
14h – Sarau Afrobase
16h – Sarau Poetas do Tietê
20h – Sarau A Plenos Pulmões

Dia 29 de agosto, segunda-feira
11h, 16h e 18h – Intervenção: Realejo poético
14h – Sarau Poesia Maloqueirista
20h – Sarau Preto no Branco

Dia 30 de agosto, terça-feira
11h, 16h e 18h – Intervenção: Menor sarau do mundo
14h – Sarau Filhos de Ururaí
20h – Sarau do Binho

Dia 31 de agosto, quarta-feira
11h, 16h e 18h – Intervenção: Casa do poeta
14h – Sarau da Praga
20h – Sarau Arte Maloqueira

Dia 1º de setembro, quinta-feira
11h, 16h e 18h – Intervenção: Realejo poético
14h – Sarau Encontro de Utopias
20h – Sarau Clamarte

Dia 2 de setembro, sexta-feira
11h, 16h e 18h – Intervenção: Menor sarau do mundo
14h – Sarau dos Mesquiteiros
20h – Sarau Bodega do Brasil

Dia 3 de setembro, sábado
11h, 16h e 18h – Intervenção: Casa do poeta
14h – Sarau O que dizem os umbigos
16h – Sarau Resistência preta
20h – Sarau Elo da corrente

Dia 4 de setembro, domingo
11h, 16h e 18h – Intervenção: Realejo poético
14h – A Voz do Povo
16h – Sarau D’Quilo 

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Destaques da semana de 22 a 28 de agosto

Agosto Caipira, Cinema: Frankenweenie e O Saci, Contação de Histórias, Oficina: Bordando memórias, Música e Dança: Grupo Batekerê, Teatro: O mistério do boto e Piramo e Tisbe. 

AGOSTO CAIPIRA

CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
Causos e lendas contadas e musicadas
Com Bob Vieira
O narrador-violeiro conta as aventuras de dois irmãos que resolvem descobrir se as histórias contadas pelo avô são verídicas. Assim, as surpresas cheias de encantamento acontecem quando se deparam com vários personagens de nossa cultura popular, numa festa caipira, com viola e sanfona. Atividade integrante do Agosto Caipira, no intuito de promover a cultura popular Paulista.
23 de agosto às 14hBiblioteca Malba Tahan
25 de agosto às 10h e às 14 – Biblioteca Amadeu Amaral

MÚSICA
Folia Caipira
Com Grupo Folias e Folguedos
Folia Caipira apresenta músicas e danças como: fandango, cururu, bate-pé, catira ou cateretê, cana-verde, contradanças, cantigas de tropeiros, toadas e moda-de-viola. Este trabalho faz homenagem a grandes ícones da cultura caipira paulista e por isso integra a programação do Agosto Caipira.
25 de agosto às 19h30Biblioteca Belmonte


CINEMA


Frankenweenie
Frankenweenie, EUA, 2012, 1h27, dublado, DVD
Direção: Tim Burton
Victor adora fazer filmes caseiros de terror, quase sempre estrelados por seu cachorro Sparky. Quando o cão morre atropelado, Victor fica triste e inconformado. Inspirado por uma aula de ciências que teve na escola, onde um professor mostra ser possível estimular os movimentos através da eletricidade, ele constrói uma máquina que permita reviver Sparky.
23 de agosto às 14h30Biblioteca Monteiro Lobato

O Saci
Para comemorar o dia 22 de Agosto Dia do Folclore!
O saci, 69 minutos, 1951, Brasil, DVD.
Baseado em obra homônima de Monteiro Lobato, o filme narra as aventuras de Pedrinho, Emília e Narizinho no Sítio do Picapau Amarelo, às voltas com personagens do folclore brasileiro, como o Saci e a Cuca. -- Macaco feio... macaco bonito... : Um dos filmes pioneiros do cinema de animação brasileiro. O filme mostra as aventuras de Narizinho e Emília no Sítio do Picapau Amarelo, junto de Pedrinho que quer capturar um Saci em uma garrafa, seguindo as instruções do Tio Barnabé. O Saci depois de capturado e solto novamente, irá ajudar Pedrinho a desfazer uma bruxaria que a Cuca jogou em Narizinho, transformando-a em pedra. No Sítio vivem ainda Dona Benta e Tia Nastácia, que cuidam das crianças e se divertem com suas reinações.
24 de agosto às 14h Biblioteca Hans Christian Andersen


CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS

Denise Veiga apresenta divertidas histórias
23 de agosto às 11hBiblioteca Hans Christian Andersen

Dia da Infância 
Tania Amares apresenta Romeu e Julieta (de Ruth Rocha)
24 de agosto às 10h Biblioteca Hans Christian Andersen

Beth Daniel e seu baú encantado apresentam Histórias e Lendas das nossas Matas
25 de agosto às 14hBiblioteca Hans Christian Andersen


OFICINA

Bordando Memórias
Com Lilian Soares
O objetivo da proposta é ensinar bordado como linguagem artística, para adultos, favorecendo o resgate de memórias e saberes antigos, tanto culturais quanto pessoais, que serão ressignificados e atualizados através de um olhar que permite abertura para criação e expansão de novos conhecimentos.
23 de agosto às 9hBiblioteca Pedro Nava


MÚSICA E DANÇA

Grupo Batakerê
O Grupo Batakerê tem como fonte de pesquisa os elementos da cultura popular brasileira, principalmente os de influências da cultura africana e indígena. O espetáculo proporciona uma demonstração da riqueza cultural brasileira, o diálogo entre o tradicional, popular, e urbano, gestos fortes e suaves e linguagens diferentes mostrando que a cultura se harmoniza. Como prova disso, o público dos espetáculos sempre é envolvido na apresentação coreográfica do grupo.
Há 11 anos, o grupo promove cortejos percussivos na rua, desenvolve oficinas, workshop de percussão e danças populares, como capoeira de Angola, percussão corporal, frevo, caboclinho, dança afro, carimbó, jongo, Tambor de Crioula e samba-reggae. Os espetáculos acontecem em praças, teatros, parques, encontro de professores da rede pública, universidades, unidades do Sesc e casas de cultura. O objetivo é utilizar a dança e a música como agenciador na comunicação entre as pessoas.
26 de agosto às 13h30Biblioteca Hans Christian Andersen


PALESTRAS, DEBATES OU ENCONTROS

Apresentação do filme "De pai pra filha, histórias da Brasilândia." (Direção: SONIA REGINA BISCHAIN) e Debate/Palestra com a autora
O filme é uma viagem no tempo, por meio de entrevista, onde um antigo morador (que veio morar na região em 1949) conta suas lembranças da formação do bairro, dos primeiros moradores, dos times de futebol, das lutas, dos costumes e das transformações trazidas pelo progresso com o passar dos anos. As imagens são construídas com palavras e também com fotografias antigas e novas e filmagens atuais feitas na Vila Brasilândia.
Debate/Palestra: Após apresentação a autora fará um pate-papo (debate/palestra) com o público presente, esclarecendo dúvidas, contanto um pouco de suas experiências e pesquisas sobre a região.
26 de agosto às 14h – Biblioteca Afonso Schmidt

Debates Contemporâneos: A romantização/banalização de "transtornos mentais".
26 de agosto às 14h Biblioteca Hans Christian Andersen

2ª Jornada do Patrimônio
A Secretaria Municipal de Cultura (SMC), por meio de seus departamentos de Programação e de Patrimônio Histórico (DPH), realizará a 2ª Jornada do Patrimônio da Cidade de São Paulo, nos dias 27 e 28 de Agosto de 2016. A ideia é proporcionar a paulistanos e turistas a oportunidade de reconhecer seu patrimônio histórico, artístico e cultural, distribuído por diversos pontos da cidade. Informações sobre a visitação a Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato, disponível em: http://www.jornadadopatrimonio.prefeitura.sp.gov.br/
27 de agosto às 10h Biblioteca Monteiro Lobato


TEATRO

O mistério do boto
Texto Edyr Augusto Proença | Adaptação Cauê Bonifácio | Responsável pela montagem Agência Top Line Modes
A peça conta a  história de um golfinho de água doce que em noites de festas e de  lua cheia sai das águas para seduzir as mais belas moças da aldeia, porém um mistério envolve essa história, só precisamos saber qual. 7 anos. 1h10.
24 de agosto às 15hBiblioteca Monteiro Lobato

Piramo e Tisbe 
com Cia dos Reis | Peça de Vladimir Capella
Trata-se de uma obra que conseguiu alinhavar as principais histórias de amor dos contos gregos. Como a história de amor ente dois adolescentes separados pela força do destino que inspirou a famosa peça Romeu e Julieta de Shakespeare. Outro mito surpreendente é a luta incessante de Orfeu para trazer sua amada de volta a vida do mundo dos mortos. A tão poética e bela história de Eco e Narciso, o intrigante sofrimento da vida eterna da Profetisa Sibila, a curiosidade angustiante de Pandora. Através dos infortúnios e anseios vividos no espetáculo o público é levado às sensações mais primitivas do homem envolvendo medo, amor e desejo pelo proibido. 12 anos. 1h30.
26 de agosto às 15hBiblioteca Monteiro Lobato

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Destaque da semana de 15 a 21 de agosto

Agosto Caipira, Cinema: A era do gelo 4 e Os incríveis, Contação de Histórias, Oficina de maracatu, Oficina de leitura, Curso de yoga, Música:  Apresentação de choro, Lilian Bernardo, Palestras e Encontro, Sarau, Teatro: Quem sabe virar cambalhota?, Retorno ao assassinato.

AGOSTO CAIPIRA
MÚSICA
Ivan Vilela
Neste espetáculo, o violeiro, compositor e pesquisador Ivan Vilela apresenta um panorama da história da cultura caipira no Brasil, dando especial atenção ao papel da música na formação deste contexto social. Esta aula espetáculo alternará a fala do pesquisador com a execução de obras musicais do violeiro, entremeando discursos narrativos e musicais para esboçar a trajetória da cultura caipira no Brasil. Este espetáculo é parte da programação do Agosto Caipira, que tem por objetivo promover a cultura popular paulista.
18 de agosto às 19h30 – Biblioteca Belmonte

CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
Boca cheia de histórias
Com Zé Bocca
Canções, trava-línguas e poemas desafiam a platéia a participar de maneira ativa nesse espetáculo narrativo em que Zé Bocca traz histórias da tradição oral brasileira e dos quatro cantos do mundo, chegando aos rincões do Brasil entre índios, caipiras e matutos. O contador convida o público para um jogo lúdico, possibilitando uma viagem pelo tempo, espaço e imaginário por meio de canções, trava-línguas, histórias e poemas.
19 de agosto às 14h30Biblioteca Belmonte


CINEMA



A era do gelo 4
Ice Age: Continental Drift, EUA, 2012, 1h34, dublado, DVD
Direção: Steve Martino, Mike Thurmeier
Sempre em busca de sua cobiçada noz, o esquilo Scrat provoca, sem querer, a separação dos continentes. A situação provoca mudanças no terreno de vários locais, entre eles onde os amigos Manny, Diego  e Siid estão alojados.
16 de agosto às 14h30 Biblioteca Monteiro Lobato

Os Incríveis
Os Incríveis, 2004, EUA, 123 minutos, DVD.
Roberto Pêra (Craig T. Nelson) já foi o maior herói do planeta, salvando vidas e combatendo o mal todos os dias sob o codinome Sr. Incrível. Porém, após salvar um homem de se suicidar, ele é processado e condenado na Justiça. Uma série de processos seguintes faz com que o Governo tenha que desembolsar uma alta quantia para pagar as indenizações, o que faz com que a opinião pública se volte contra os super-heróis. Em reconhecimento aos serviços prestados, o Governo faz a eles uma oferta: que levem suas vidas como pessoas normais, sem demonstrar que possuem superpoderes, recebendo em troca uma pensão anual. Quinze anos depois, Roberto leva uma vida pacata ao lado de sua esposa Helen (Holly Hunter), que foi a super-heroína Mulher-Elástica, e seus três filhos. Roberto agora trabalha em uma seguradora e luta para combater o tédio da vida de casado e o peso extra. Com vontade de retomar a vida de herói, ele tem a grande chance quando surge um comunicado misterioso, que o convida para uma missão secreta em uma ilha remota. LIVRE
17 de agosto às 14h Biblioteca Hans Christian Andersen


CONTAÇÃO DE HISTÓRIA

Edmilson Ávila e Levando Histórias apresentam Exposição
Por entre contos e fadas - Ilustrações de contos infantis - trabalhos em aquarela, guache, lápis de cor, giz e fotografias. Haverá “coquetel” e várias surpresas no lançamento. Exposição de 20 de agosto à 20 de setembro.
18 de agosto às 10hBiblioteca Hans Christian Andersen
20 de agosto às 11hBiblioteca Hans Christian Andersen


CURSOS E OFICINAS

Zumbido das abelhas grandes
Com Gledson Alves Lima
O Zumbido das Abelhas Grandes desenvolve, quinzenalmente, oficinas de maracatu, trabalhando a dança e instrumentos de percussão, como alfaia, caixa, agbê e agogô. Procura se configurar como um núcleo cultural no espaço da Biblioteca.
20 de agosto às 10h Biblioteca José Mauro de Vasconcelos

Oficina de leitura: literatura latino-americana
Encontros mensais para a discussão de obras latino-americanas.
A cada mês um livro de um país diferente. Venha trocar experiências de leitura coletivamente!
20 de agosto às 13h Biblioteca Camila Cerqueira César

Experienciando a História no Corpo
com Profª Márcia Pavão
Prática de yoga para crianças a partir de técnicas que trabalham o corpo integral (físico, emocional e mental), assim como valores para a convivência. Incentiva a criança a descobrir suas reais capacidades, ensina técnicas de atenção e concentração, forma pessoas conscientes da importância do cuidado com o corpo, do respeito pelo semelhante e pelo meio ambiente e pelo bem estar no mundo. Para crianças e adultos também
20 de agosto às 14hBiblioteca Hans Christian Andersen


MÚSICA

Apresentação de choro
Grupo de Choro consolidado em aulas-ensaio no Sesc Consolação ao longo do primeiro semestre de 2016. São nove músicos que tocam repertório que vai de Pixinguinha a Chiquinha Gonzaga, entre vários outros compositores. Bob de Souza - coordena o grupo. Livre. 2h.
20 de agosto às 15hBiblioteca Monteiro Lobato

Cantando histórias e contando músicas
Espetáculo com Lilian Bernardo e banda contando e cantando a história da Música Popular Brasileira.
20 de agosto às 16hBiblioteca Cassiano Ricardo


EXPOSIÇÃO

Exposição da historia do bairro: Brasilândia
Abertura: 15 de agosto Biblioteca Afonso Schmidt


PALESTRAS E ENCONTRO
Virada Educação
A Virada Educação é um projeto sobre provocar novas apropriações de um território em direção à construção coletiva de uma comunidade mais conectada, que percebe o aprender e o ensinar espalhados por todos os lugares. Informações sobre atividades e horários disponíveis em http://viradaeducacao.me/
18 de agosto às 13h – Biblioteca Monteiro Lobato

Palestra: Simpósio da Inclusão/Surdez (Educação e Intérprete)
Organizado pelo Espaço TK
Inscrição por email: espacotk@hotmail.com
20 de agosto às 8h – Biblioteca Hans Christian Andersen

Mediação de leitura: Literatura latino-americana contemporânea
O objetivo do projeto é promover o incentivo à leitura e ao compartilhamento de experiências literárias, proporcionando ao leitor brasileiro a possibilidade de identificar-se e situar-se como sujeito pertencente à cultura latino-americana. Os encontros serão mensais, na Biblioteca Camila Cerqueira César.
Em agosto, discussão de “O amor nos tempos do cólera”, de Gabriel García Marquez, ou de “Delírio”, de Laura Restrepo.
20 de agosto às 13h Biblioteca Camila Cerqueira César



SARAU

Saraus Históricos - Histórias cantadas, Músicas Contadas
Com Lilian Bernardo, Lindener Pareto, Eduardo Padovan e Valdinei Silva Papa Encontros especiais com a História da Música Brasileira através de uma narrativa cênica. Laurinha é uma aluna curiosa e cheia de anseios que sonha em ser cantora, enquanto o Professor Hilário elabora aulas bem humoradas sobre os acontecimentos históricos com ilustrações musicais. 1ª aula show: Laurinha nos sonhos de origens – as influências de tradições estrangeiras na produção musical popular do Brasil Colonial - Um caldeirão de Modinhas Imperiais, Lundus, Choros e Maxixes.
20 de agosto às 16h Biblioteca Cassiano Ricardo


TEATRO

Quem sabe virar cambalhota?
com Cia La Gestual
Os personagens Daniel e Teresa são de uma cidade que se chama Sassaré, onde tudo é perfeito, só tem um problema: Ninguém sabe virar cambalhota! Para ir em busca desse aprendizado, eles vivenciam uma trajetória cheia de desafios, onde a imaginação e a brincadeira tomam lugar. Livre. 45 min.
19 de agosto às 14hBiblioteca Monteiro Lobato

Retorno ao assassinato
com Ciabatta de Teatro | adaptação e direção Marcos Lopes
Leitura dramática apresentada em dois atos, conta com dez atores e tem como diferencial: figurinos, trilha sonora e movimentação cênica Retorno ao Assassinato (1960) é inspirado no clássico livro Os Cinco Porquinhos (1942) de Agatha Christie.
O enredo gira em torno de uma mulher julgada e condenada pelo assassinato do marido (um pintor famoso e infiel), morrendo pouco depois na cadeia. 16 anos depois, Carla, a filha, tenta reconstituir o passado, reunindo todos os envolvidos no caso, uma vez que a mãe deixou-lhe uma carta onde diz ser inocente. Será mesmo isto verdade? 12 anos. 1h30min.
20 de agosto às 18hBiblioteca Alceu Amoroso Lima



segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Destaque da semana de 8 a 14 de agosto

Cinema: Kung Fu Panda, Tainá - Uma aventura na Amazônia, Contação de histórias, Oficinas: Plantão da horta, Confecção de cartão para o dia dos pais, Encontro: Armada de Dumbledore, Teatro: Retorno ao assassinato, As mortes de Shakespeare.

CINEMA



Kung Fu Panda
Kung Fu Panda, EUA, 2008, 1h30, dublado, DVD
Direção: Mark Osborne, John Stevenson
Po é um urso panda desajeitado, que trabalha no restaurante de macarrão de sua família. Um dia ele é surpreendido ao saber que foi escolhido para cumprir uma antiga profecia, o que faz com que treine ao lado de seus ídolos no kung fu.
9 de agosto às 14h30 – Biblioteca Monteiro Lobato

Tainá - Uma aventura na Amazônia
Para comemorar o Dia Internacional dos Povos Indígenas!
Tainá, 90 minutos, 2000, Brasil, DVD.
Ao mesmo tempo em que diverte, 'Tainá, uma aventura na Amazônia' ensina muito da vida e das pessoas, como a importância do respeito aos mais velhos, à natureza e às diferenças. Órfã, Tainá é uma indiazinha de oito anos que vive às margens do Rio Negro, na Amazônia, com seu avô, o velho e sábio Tigê. Tendo-o também como mestre, Tainá aprende as lendas e histórias de seu povo e, aos poucos, incorpora as qualidades de uma guerreira, que não mede esforços para proteger a floresta e os animais. Nesta aventura, ela faz de tudo para impedir o contrabando de Catu, um macaco de uma espécie que está em extinção. No caminho, se depara não apenas com malfeitores como Shoba, o traficante de animais, ou Meg, a americana que encomendou o macaco. Ela conhece também Joninho, um menino que adora hambúrguer e jogos de computador, com quem ela vai trocar muitas experiências. Livre
10 de agosto às 14h – Biblioteca Hans Christian Andersen


CONTAÇÃO DE HISTÓRIA

Contar histórias é algo emocionante... ouvir e querer fazer parte é melhor ainda!
com Tia Ceminha
9 de agosto às 10h – Biblioteca Hans Christian Andersen

Cia Baú da Boneca
Histórias encantadoras com a Cia Baú da Boneca.
11 de agosto às 14h – Biblioteca Hans Christian Andersen


OFICINAS

Plantão da horta
O projeto pretende manter a horta comunitária da Biblioteca Padre José de Anchieta através de oficinas de práticas agroecológicas compartilhadas com a comunidade, resgatando o hábito de cultivar o próprio alimento. Essa iniciativa mostra-se mais transformadora do que se pode imaginar, uma vez que fomenta a cooperação entre os participantes, o manuseio do solo como ferramenta tranquilizadora para alcançar o objetivo do comunitário e aumentando a conexão com culturas já esquecidas.
10 de agosto às 9h – Biblioteca Padre José de Anchieta

Confecção de cartão para o dia dos pais
com Jovem Monitora Flavia Tilhof
Venha aprender a fazer um cartão para seu pai.
12 de agosto às 13h – Biblioteca Jovina Rocha Álvares Pessoa


ENCONTRO

Armada Dumbledore
Encontro de fãs da saga Harry Potter
13 de agosto às 13h – Biblioteca Cassiano Ricardo


TEATRO

As mortes de Shakespeare - teatro (adulto): ETEC Artes 
Hamlet , Macbeth, Otelo... Que são obras de Shakespeare não há dúvida, mas eles têm em comum uma característica do autor que ao escrever seus romances sempre colocou mortes emblemáticas , porém aqui o próprio se questiona o por quê de tantas mortes, e se sente culpado de te-las criado. "As mortes de Shakespare", no ano em que comemoramos 400 anos de sua morte, trás a reflexão da vida.
13 de agosto às 15h – Biblioteca Hans Christian Andersen

Retorno ao assassinato
adaptação e direção Marcos Lopes
Leitura dramática apresentada em dois atos, conta com dez atores e tem como diferencial: figurinos, trilha sonora e movimentação cênica Retorno ao Assassinato (1960) é inspirado no clássico livro Os Cinco Porquinhos (1942) de Agatha Christie.
O enredo gira em torno de uma mulher julgada e condenada pelo assassinato do marido (um pintor famoso e infiel), morrendo pouco depois na cadeia. 16 anos depois, Carla, a filha, tenta reconstituir o passado, reunindo todos os envolvidos no caso, uma vez que a mãe deixou-lhe uma carta onde diz ser inocente. Será mesmo isto verdade? 12 anos. 1h30min.
13 de agosto às 15h30 – Biblioteca Monteiro Lobato

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Dicas de Leitura - Ignácio de Loyola Brandão

Comemorando o aniversário de 80 anos de Ignácio de Loyola Brandão, as dicas de leitura de agosto sugerem a leitura das obras Cadeiras proibidas, O menino que vendia palavras, Não verás país nenhum, Veia bailarina, O Verde violentou o muro e Zero, entre os vários livros disponíveis nas bibliotecas.



Ignácio de Loyola Lopes Brandão nasceu dia 31 de julho de 1936 em Araraquara, é um contista, romancista e jornalista brasileiro. Em 2008 ganhou o Prêmio Jabuti de melhor livro de ficção do ano por O Menino que Vendia Palavras e em 2016 foi agraciado pela Academia Brasileira de Letras com o Prêmio Machado de Assis pelo conjunto de sua obra

Cadeiras proibidas
Livro de contos, publicado originalmente durante a Ditadura Militar no Brasil, narra histórias sobre a realidade, mas encobertadas pelo fantástico: as pessoas normais mostram que não são e nunca foram normais. O mundo que está dentro das casas das pessoas se revela em toda a fantasia e absurdo do livro.

O menino que vendia palavras
O protagonista é um menino que tem muito orgulho de seu pai, um homem culto, inteligente e que conhece as palavras como ninguém; quando querem saber o significado de algo, é o pai dele que procuram. O menino começa um "negócio" de significado das palavras escondido do pai. Aprende lições valiosas e acaba percebendo o quanto a leitura é necessária, pois quanto mais palavras se conhece e usa, mais fácil e interessante fica a sua vida.

Não verás país nenhum
Publicado em 1981, retrata uma suposta São Paulo em 2003, descrita por Souza, um homem de 55 anos afastado das escolas pelo Esquema, um tipo de governo totalitário do futuro. Sua rotina se abala quando uma simples coceira na mão se transforma em um furo, que vai tomando conta de sua mão, de sua mente, de sua alma. 

Veia bailarina
O autor relata o processo da descoberta de um aneurisma no cérebro (que os médicos chamam de veia bailarina) e da necessidade de passar por uma cirurgia antes que a veia rompa dentro de sua cabeça. A ameaça do aneurisma e a ansiedade se misturam às velhas perplexidades, relembra de velhas situações e enquanto aguarda a operação, faz um balanço da sua vida.

O verde violentou o muro
Registro de um brasileiro no cotidiano alemão antes e depois da queda do muro de Berlim. Durante quinze meses, o autor viveu em Berlim, quando a antiga capital alemã ainda estava dividida pelo muro. Anos depois, ao regressar a Berlim, Loyola compara as duas cidades, aquela em que vivera, e a surgida após a queda do muro, como uma metáfora do reencontro de um povo.

Zero
José conhece Rosa, sua futura esposa, através de uma agência matrimonial e vive uma relação de amor e ódio com ela, com inúmeros momentos tanto de intensas atividades sexuais como de enormes brigas. Ao longo do livro, José vai se tornando cada vez mais inconformado com o mundo.

  
Consulte o nosso catálogo online para saber em quais bibliotecas estão disponíveis estes e outros livros. Veja também a lista das bibliotecas pelas regiões de São Paulo.


Os temas das dicas de leitura são escolhidos ao acaso, levando-se em conta o número expressivo de exemplares disponíveis nas bibliotecas.